Utilidade Pública: vacinas para viajar

0
360

Antes de embarcar para as férias, você já verificou se o local de destino está passando por algum surto de doenças ou precisa de atualização nas vacinas para viajar?

Existem determinados locais que possuem vacinas obrigatórias no cartão para permitir a entrada dos turistas, como a de febre amarela tem sido requisitada para entrada no Brasil.

Não tem mais seu cartão de vacinas? Compareça a uma unidade do Sistema Único de Saúde (SUS) e peça uma nova via, atualizando as que forem preciso.

VACINA OBRIGATÓRIA x LOCAL

Febre amarela – Benin, Bolívia, Burkina Faso, Gana, Guiana, Camarões, Congo, Libéria, Mali, Níger, República Centro-Africana, Ruanda, Senegal, Togo, Costa do Marfim, Zaire;

Vacinação meningocócica – Armênia;

Difteria, tétano, poliomielite – Gabão;

REGIÃO x VACINAS INDICADAS

Norte da Europa – Hepatite B, tétano e difteria, encefalite transmitida por carrapatos;

Sul da Europa – Hepatite A e B, tétano e difteria, febre tifoide, poliomielite, infecções meningocócicas, raiva, encefalite transmitida por carrapatos;

América do Norte – Difteria, tétano, hepatite B;

América Central – Hepatite A e B, tétano e difteria, febre tifoide;

América do Sul (zona tropical) – Febre amarela, hepatite A e B, tétano e difteria, febre tifoide, infecção meningocócica;

América do Sul (zona temperada – Chile) – Hepatite A e B, tétano e difteria, febre tifoide;

África do Sul – Hepatite A e B, tétano e difteria, febre tifoide, poliomielite;

Norte da África – Hepatite A e B, tétano e difteria, febre tifoide, poliomielite, raiva;

África a sul (Saara) – Febre amarela, hepatite A e B, tétano e difteria, febre tifoide, poliomielite, raiva;

Ásia – Hepatite A e B, tétano e difteria, febre tifoide, poliomielite, infecções meningocócicas, raiva;

Lembrando: para uma vacina conseguir proteger o usuário, é preciso que seja tomada com no mínimo um mês de antecedência da viagem. Consulte seu médico.

SEM COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA